Voando baixo (4)

marco-foneMarco ASA

Eike 1 – Engraçado o povo comemorando a prisão de Eike Batista. Há algum tempo atrás, o cara era o exemplo do capitalismo que dava certo. Um empreendedor à frente do seu tempo. Tinha bajulador pintando o “X” na porta da loja. Poupem-me de tanta hipocrisia…

Eike 2 – Aliás, sobre Eike, tenho uma saga a contar: eu tive um jornal por oito anos em Peruíbe, cidade de 70 mil habitantes no litoral sul de São Paulo. Ocorre que, lá por 2006 (ou 2007, não lembro bem), Eike Batista anunciou que criaria o Porto Brasil, um megaempreendimento na cidade que, além do citado porto, incluiria uma zona franca, até com montadoras de veículos. A cidade, que vive apenas do turismo sazonal, ficou em polvorosa. O povo falava de Eike como um messias, que salvaria a vida de todos. Era um tal de colocar o “x” nas portas (pra pegar um pouco da sorte do homem), de endeusar a criatura que chegava a dar nojo. Lembro-me de uma coletiva que ele marcou com a imprensa local para explicar o impacto ambiental do porto. Ele não apareceu, apenas seus assessores. Resumindo a história: o porto iria passar por cima de uma zona de preservação permanente, iria desalojar uma tribo indígena e infernizaria a vida da pacata cidade com caminhões que cruzariam o centro. Ainda bem que não deu certo. Mas, até hoje, teve gente que investiu em imóveis achando que a cidade viveria um boom…veio o kaboom…kkk

Prefeitos voltando pra casinha – Ainda bem que os prefeitos novos estão se tocando de que é melhor trabalhar do que causar factoides. Ficar se fantasiando nas ruas e comprando briga com grafiteiro em uma cidade, destruindo ciclovia em outro, já deu. A cidade precisa é que tapem buracos, resolvam o caos na saúde e melhore a vida dos cidadãos. Prefeito é funcionário público e ponto!

Agências donas de prefeitos – Aliás, há de se investigar a relação de algumas agências de publicidade (ou mesmo marqueteiros) que, depois das eleições, parecem ser “donos” dos prefeitos, traçando seus destinos políticos e o que deve ou não ser feito em uma cidade. Que relação é essa? Terceirizaram as prefeituras e não avisaram ao eleitor? Algumas agências são especializadas em bancar campanhas de prefeitos. O pagamento vem como?

 

Marco ASA é jornalista, publicitário e escritor. Contatos pelo e-mail portalautoasa@gmail.com

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s