Direita e mídia brasileiras estão utilizando táticas de comunicação da Coreia do Norte para enganar o povo

fora-temer

(Marco ASA) – Comunicação é um lance perigoso. Uma estratégia pode mudar destinos de nações inteiras. É o caso da estratégia de Joseph Goebbels, chefe da comunicação nazista, que conseguiu mobilizar a Alemanha inteira no apoio das insanidades do grupo liderado por Hitler. Mas, no caso do Brasil, a direita encabeçada pelo PSDB, que usa o atual governo Temer como fantoche, a inspiração é do governo da Coreia do Norte.

Diziam que o PT iria transformar o Brasil em uma Coreia do Norte, mas, quem está fazendo isso é a direita. Na Coreia comunista, eles elegeram um inimigo mortal, os Estados Unidos, igual fizeram no Brasil (o PT é a causa de todos os males).

Na Coreia como no Brasil, qualquer problema (qualquer mesmo) é culpa dos Estados Unidos (lá) e do PT (aqui). E qualquer vitória, seja ela pífia, é sempre uma vitória contra os imperialistas (lá) e contra o governo maldito do PT (aqui).

No começo dos anos 2000, o governo coreano comprou o direito de fabricar o Fiat Siena de primeira geração, que saia de linha no Brasil. Todo o maquinário foi mandado pela Fiat para a Coreia do Norte e a campanha do governo local foi ufanista. Mas, não terminava duas frases sem falar dos americanos. “Este carro, aprovado pelo grande líder, deixaria os carros americanos com vergonha”. “Sua potência, comparada a dos nossos foguetes, supera a dos carros dos imperialistas”. E, por ai vai. Uma verdadeira obcessão. Com isso, o governo norte-coreano mantém aceso na população o ódio contra o inimigo comum, os americanos.

Por aqui, só para dar um exemplo, o governo vive a maior crise de segurança da história. Mais de um bilhão de reais para uma empresa cuidar de um presídio e ela não o faz. Há uma matança generalizada. O presidente interino Temer chama de “acidente”. Aí, a Rede Globo, que orquestrou tudo o que está aí, “descobre” que o governo do Maranhão (de um partido aliado do PT) alugou um prédio para um centro de internação de menores cujo proprietário é ligado ao partido do governador.

Gente, eu quero que cortem meu dedinho do pé se, em São Paulo, do governo tucano do Alkimin, pelo menos UM fornecedor não seja filiado ao PSDB ou à maçonaria. Só um.

Está cada vez mais claro que a Rede Globo, o governo atual e o PSDB estão agindo de forma orquestrada, para fazer a população pensar que todos os problemas do mundo têm uma só origem: os Estados Unidos (lá) e o PT e seus aliados (aqui).

Quando todos acordarem e enxergarem além da cortina de fumaça, verão que tudo isso é, na verdade, uma orquestração do crime organizado internacional. Mas, vai ser tarde demais.

Marco ASA é jornalista, publicitário e escritor. Contatos pelo e-mail portalautoasa@gmail.com

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s