Para homenagear José Bonifácio, capital de São Paulo será Santos todo dia 13 de junho

Imagem

Projeto da deputada Telma de Souza (PT) que institui o Programa “Memória de José Bonifácio de Andrada e Silva” foi aprovado na noite de ontem (17/4), na Assembleia Legislativa de São Paulo. O texto torna lei o Decreto Estadual nº 50.499/2006, que não vinha sendo cumprido

Agora é lei: terra natal de José Bonifácio de Andrada e Silva, a cidade de Santos se tornará, de forma simbólica, a capital do Estado de São todo dia 13 de junho, data de nascimento do Patriarca da Independência. Essa é apenas um dos dispositivos do projeto de lei nº 612/2011, da deputada estadual Telma de Souza (PT), que cria o “Programa Memória de José Bonifácio”, aprovado ontem à noite (17/4) em plenário pela Assembleia Legislativa de São Paulo (Alesp), por unanimidade.

A matéria torna lei o Decreto nº 50.499/2006, do governador Geraldo Alckmin, que foi cumprido apenas no ano de sua criação, em 2006, pelo governador em exercício Cláudio Lembo. Com a aprovação na noite de hoje, a nova lei poderá ser cumprida já em 2013, quando se comemoram os 250 anos de nascimento de José Bonifácio.

Além da transferência simbólica da capital paulista, com a presença do governador, a nova lei prevê a promoção de cerimônia cívica junto ao monumento do Patriarca, no Centro Histórico de São Paulo, durante os festejos da Semana da Pátria, em todo mês de setembro.

O texto ainda prevê a republicação das obras do ilustre santista pela Imprensa Oficial do Estado, a inserção de uma semana de atividades relacionada a José Bonifácio no calendário escolar da rede estadual, entre outras providências.

“O programa ‘Memória de José Bonifácio’ é mais que uma simples homenagem, é a exaltação àquele que foi um dos maiores brasileiros de todos os tempos, figura essencial no processo de independência do nosso País. As novas gerações precisam conhecer sua História e reverenciar sua trajetória”, destacou a deputada Telma de Souza, que entre 1989 e 1992 foi prefeita de Santos, cidade que possui um Panteão em homenagem aos irmãos Andrada, onde estão os despojos do Patriarca da Independência.

Telma é, ainda, autora da lei que inscreveu José Bonifácio de Andrada e Silva no livro de Heróis da Pátria, em 2005, quando deputado federal.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s