Maníaco da Cruz foge da Unei em Mato Grosso do Sul

Imagem
Dionathan Celestrino, conhecido como o maníaco da cruz

(Marco ASA) – Um assassino que causou terror na população de Rio Brilhante, cidade de Mato Grosso do Sul, conhecido como “Maníaco da Cruz”,  fugiu da UNEI (Unidade Educacional de Internação), Mitaí, em Ponta Porã. Dionathan Celestrino ficou onhecido como maniaco da cruz por ter matado na cidade de Rio Brilhante, em 2008, o pedreiro Catalino Gardena, a frentista Leticia Neves de Oliveira e Gleice Kelly da Silva, fugiu da Unei da cidade de Ponta Porã, onde estava internado. As vítimas foram encontradas com os braços abertos, como se estivessem crucificadas.

 
A fuga só foi descoberta na manhã deste domingo (03) durante a contagem dos internos feita por funcionários da unidade de internação. O jovem escolhia ao acaso suas vítimas, que eram submetidas a uma série de perguntas sobre seus comportamentos sexuais antes de serem executadas por ser consideradas impuras e seus corpos posicionados em sinal de crucificação em cemitérios.
 
Os crimes aconteceram no ano de 2008 na cidade de Rio Brilhante. À época, o maniaco tinha 16 anos. Segundo informações, Dionathan, hoje com mais de 20 anos, não foi encontrado em seu quarto de internação.
 
A polícia de Ponta Porã procura pelo fugitivo.
(Com informações do site Caarapónews)
 
 Imagem
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s